Blog

Acompanhe as novidades e ultimas postagens.

Guia Completo do Zero ao Lucro

Sumário

Conduzir uma pesquisa de merca aprofundada e escolher a melhor estrutura organizacional são apenas alguns dos passos num processo de preparação de uma nova empresa.

Começar um negócio é algo empolgante, mas que pode oferecer desafios inesperados se você não se preparar para o que está por vir.

Este artigo vai oferecer um guia inicial passo-a-passo para aspirantes a empreendedores aprenderem como começar a empresa dos seus sonhos — desde o desenvolvimento de uma ideia de negócios até maneiras de manter seus clientes satisfeitos.

Na hora de formular uma ideia de negócio, comece determinando os seus pontos fortes, suas habilidades e seus interesses.

Escolha algo sobre o qual você é apaixonado. A paixão leva ao sucesso, já que ela permite que você se comprometa totalmente aos seus objetivos, apesar dos desafios que pode encontrar ao começar uma empresa.

Por exemplo, se você gosta de escrever e ensinar, pode tornar suas habilidades num negócio bem-sucedido ao criar conteúdo educativo e cursos online.

Ferramentas como o Google Trends ajudam você a avaliar e validar as suas ideias de negócios como maneiras potenciais de ganhar dinheiro na internet. Ele permite que você confira se a tendência do seu mercado é de crescimento ou de declínio.

Tudo do que você precisa é buscar na ferramentas palavras-chave que são relevantes para o seu negócio. Os resultados então vão mostrar o interesse dos usuários de mecanismos de busca ao longo do tempo.

Olhar para os produtos mais vendidos na internet pode ajudar você a concluir se essa pode ser uma ideia de negócios sustentável. Refine e redefina essa ideia de maneira contínua até que você encontre a opção certa.

pesquisa do google trends para comida vegana

Assim que você tiver produtos ou serviços específicos em mente, escolha a indústria que você busca servir — pesquise sobre empresas existentes, seus produtos e o público-alvo que elas cobrem.

Você pode começar ao visitar exibições e feiras para conferir os estandes e as atividades promocionais dos seus concorrentes. Caminhe pelo evento para ver as exibições de produtos, as técnicas de engajamento e os discursos de vendas.

Descubra quais são os processos atuais deles e entenda o que está faltando neles. Pense sobre como você pode preencher essa lacuna ao começar a sua própria empresa e entregando um produto ou serviço mais valioso.

Você também pode aprender sobre os seus competidores ao executar uma análise SWOT. Isso vai ajudar você a formular as estratégias de negócio para se beneficiar das suas experiências.

Entenda o que eles fizeram direito, o que eles fizeram errado e evite cometer os mesmos erros com a sua nova empresa.

página inicial do SWOT

SWOTanalysis.com oferece um template profissional e criativos para empresas e planejamento de carreira. Considere usar essa ferramenta gratuita para promover brainstorming e também rastreie o progresso da sua empresa conforme ela cresce.

2. Pesquisa de Mercado — Ajuste sua Ideia de Negócios para o seu Público-Alvo

pesquisa de mercado é essencial porque ela oferece insights sobre as práticas dos seus concorrentes, as preferências dos seus clientes em potencial, tendências de mercado, comportamento do consumidor e a demografia deles.

Comece entendendo quem são os seus clientes. Crie personas que refletem as pessoas que vão comprar os seus produtos ou serviços.

Personas de clientes bem projetadas podem revelar insights sobre os comportamentos dos consumidores. Você pode usar essa informação para lhe ajudar a visualizar as pessoas que vão comprar seu produto ou serviço, planejar campanhas de comunicação e construir estratégias de marketing.

Isso também pode dar a você ideias para melhorar produtos existentes e para descobrir novas soluções para lidar com desafios específicos do mercado.

Colete Dados dos Clientes

Assim que você tiver uma ideia clara do seu público-alvo, é hora de aprender as características deles, seus desafios e hábitos de compras.

Existem maneiras diferentes de obter dados do mercado antes de começar um negócio. Um desses modos é determinar as opiniões do seu público sobre os seus produtos ao conduzir enquetes online ou discussões em grupos de foco.

Por exemplo, o Google Surveys colete e analisa dados dos usuários. Assim que você tiver criado a enquete e providenciado informações sobre o seu público alvo, o Google Surveys vai encontrar as pessoas que se encaixam em seus critérios, garantir que eles preencham a enquete e aprender a você os resultados dentro de alguns dias.

Google Analytics é outra ferramenta útil que ajuda você a aprender mais sobre os seus clientes, incluindo idade, gênero e interesses. Você pode instalar essa ferramenta gratuita através de um plugin no seu site e ver informações sobre as pessoas que visitam o seu site.

Uma alternativa é contratar uma empresa de pesquisa de mercado que vai oferecer dados sobre o seu público-alvo que foram investigados por especialistas. Contudo, tais serviços podem custar desde US$ 4.000 até US$ 50.000 ou mais.

Resuma suas Descobertas

Para resumir os seus dados, as descobertas devem incluir o contexto do seu estudo, a lista de participantes e os resultados da sua pesquisa. Ter todas as informações à sua disposição vai oferecer uma contextualização para os seus achados e garantir um fluxo lógico das ideias.

Organize os participantes em grupos separados para entender melhor quem é o seu público-alvo e o que eles procuram num produto ou serviço.

Garanta que você vai analisar a informação que você coletou e avalie como você pode usar suas descobertas para construir uma marca e um plano de negócios.

Prova de Conceito

Uma prova de conceito (POC) é uma validação de que a sua ideia de negócios é efetiva e comercialmente viável.

Por exemplo, você pode querer produzir um eBook autopublicado. O objetivo da POC pode ser ter 10 pré-compras para o seu projeto de escrita antes de começar a produção em massa.

Portanto, uma POC é como um sinal de confirmação para continuar com o desenvolvimento do produto. Você pode prosseguir para uma fase de produto mínimo viável (MVP) após passar por esse estágio.

3. Prepare um Plano de Negócios

Existem diferentes tipos de planos de negócio para você conferir na hora que for aprender como começar sua própria empresa.

Todos possuem objetivos diferentes, mas criar um plano de negócios tradicional será mais do que suficiente para a sua nova empresa.

Um plano de negócios tradicional lida com vários tópicos necessários para financiar uma empresa, calcular projeções futuras e se conectar com os clientes.

Ele geralmente inclui as seguintes seções:

Resumo Executivo 

Um resumo executivo descreve o seu negócio, sua visão, os problemas que ela busca resolver e previsões financeiras.

Comece com uma declaração de missão para explicar o propósito da sua empresa. Você pode descrever a breve história da sua companhia, sua equipe de gestão, a localidade e o número de funcionários para construir credibilidade.

De maneira similar, as principais conquistas e os marcos que você busca atingir são necessários para manter registro do progresso da sua empresa e medir o seu sucesso.

Exiba os seus produtos e fale sobre os seus recursos e benefícios.

Se você quiser atrair investidores para a nova empreitada, também é recomendado incluir o histórico financeiro e as suas previsões.

Finalmente, aproveite a oportunidade para discutir os objetivos da sua empresa. Explique dentro do seu plano de negócios como você pretende fazer a sua empresa crescer nos próximos anos.

Descrição da Empresa

Divulgue o nome da sua companhia e apresente os seus sócios na descrição da empresa.

Se você busca investidores, explique porque os seus produtos são valiosos para o seu público-alvo definido.

Depois, discuta de maneira breve o que busca conquistar dentro de um período de tempo específico — seja manter lucro ou aumentar a sua fatia de mercado.

Para demonstrar o seu desejo de ter sucesso, revele o seu plano de negócios junto da sua data programada para início dos trabalhos e um prazo dentro dos próximos 12 meses.

Também declare a estrutura legal da sua empresa.

Finalmente, mencione os passos necessários que foram planejados para atingir o sucesso. Inclua uma declaração da sua visão que apresenta os objetivos futuros da empresa.

Produtos e serviços oferecidos

Explique de maneira detalhada os seus produtos e serviços. Foque em como eles conseguem suprir as necessidades dos seus clientes.

Declare o ciclo de vida do produto nesta seção. Isso serve como um guia na hora de formular o desenvolvimento da estratégia do produto conforme você vai ficando mais bem-sucedido na indústria.

Além disso, se o seu produto já está passando por uma pesquisa de mercado ou uma análise competitiva, divulgue os detalhes e os achados do seu plano de negócios.

Análise de Mercado

Conduza uma análise de mercado para ganhar uma maior compreensão do desempenho dos seus concorrentes. Aprenda mais sobre os seus pontos fortes e analise as tendências para que a sua pequena empresa consiga acompanhá-las.

Comece ao decidir qual é o propósito do seu estudo. Ele pode ser avaliar os riscos, reduzir problemas em potencial ou criar oportunidades.

Seu próximo passo deverá ser determinar o estado atual da sua indústria e a sua direção.

Providencie métricas como tamanho, tendências e crescimento projetado, reforçando suas alegações com informações relevantes. 

Uma vez que você esteja ciente da situação da sua indústria, analise o mercado e visualize seus clientes em potencial.

Tome nota de informações como sua idade, renda, gênero, localidade e ocupação.

Agora é hora de listar seus concorrentes e comparar seus desempenhos.

Avalie os seus competidores cuidadosamente e efetue uma análise SWOT. Esse processo pode ajudar você a perceber suas maiores qualidades e sua posição atual no mercado.

Agora você deve estar pronto para reunir dados factuais, relevantes e valiosos — as melhores decisões são tomadas devido a informações bem pesquisadas.

Dados adicionais podem ser obtidos diretamente de fones confiáveis como o Tribunal Superior do Trabalho, o IBGE e jornais sobre o mercado financeiro.

SimilarWeb é uma ferramenta de pesquisa de competidores gratuita que você pode usar para acessar informações sobre o tráfego e a estratégia de marketing dos seus concorrentes.

Para um formato de plano de negócios facilmente compreensível, inclua os seguintes pontos na sua análise de mercado:

  • Visão geral da indústria – pesquise a indústria para avaliar os seus competidores e compreender a demanda atual. Inclua métricas como tamanho, tendências e crescimento projetado.
  • Público-alvo – divulgue o grupo de consumidores para os quais os seus produtos são pensados e analise suas necessidades, demografia, tamanho de mercado, localidade, comportamentos e tendências.
  • Previsão de preço e de vendas – providencie o custo dos produtos, o número estimado de bens que o seu negócio vai vender e o lucro esperado. A previsão de vendas deve estimar vendas futuras por mês para o ano seguinte.
  • Competição – analise a fatia de mercado dos seus concorrentes, os pontos fortes deles e suas fraquezas. Providencie um resumo das suas descobertas através do processo de diferenciação e explique porque os seus produtos se destacam no mercado.
  • Barreiras – identifique qualquer obstáculo que a sua pequena empresa pode enfrentar, como sistemas ineficientes e recursos inadequados.

Organização e Gestão da Equipe

Descreva a estrutura legal da sua empresa — os tipos básicos de entidades legais são Empresário Individual, Microempreendedor Individual,  Empresa Individual de Responsabilidade Limitada, Sociedade Empresária, Sociedade Simples e Sociedade Limitada Unipessoal.

O tipo mais popular de negócio é o de propriedade individual, o que lhe dá controle total sobre a sua empresa. Ele é simples e fácil de estabelecer e tem um custo mínimo. Contudo, nessa estrutura, você estará pessoalmente responsável por todas as obrigações financeiras da empresa.

Se o seu negócio possui múltiplos donos, você pode estruturá-lo como uma parceria. Apesar da sua simplicidade e flexibilidade, o lado negativo é que os sócios são pessoalmente responsáveis pelas obrigações da parceria.

Finalmente, uma corporação de capital aberto é uma entidade legal construída por indivíduos ou acionistas. Os donos não são responsáveis pelos débitos ou obrigações da corporação, o que protege seus bens pessoais.

A principal desvantagem aqui é que é necessário uma grande quantia de dinheiro para formar uma corporação desse tamanho, o que inclui um extensivo registro das suas finanças.

Assim que você tiver definido a sua estrutura de negócios, providencie um organograma que servirá como uma representação gráfica da sua gerência e dos seus funcionários.

Estratégia de Marketing

Foque nas suas estratégias conforme você entra no mercado e passa por uma maior demanda.

Para resumir, abaixo estão os objetivos-chave que você deve incluir em sua seção de marketing e vendas.

  • Proposta de valor único – ofereça um produto ou serviço que seja relevante para as pessoas ao atender às suas necessidades e entregar algo de valor. Uma proposta de valor único também faz o seu produto de diferenciar da sua concorrência.
  • Estratégia de preço – um método para determinar quanto dinheiro você deve cobrar um um produto ou serviço. Essa abordagem vai ajudar a gerar vendas e maximizar o seu lucro.
  • Plano de vendas ou distribuição – um plano sobre como alcançar seus clientes. Também é usado para medir a efetividade dos canais de distribuição.
  • Plano de marketing – um plano de marketing abrangente e orientado por dados pode entregar os resultados que você busca. Contudo, antes de seguir em frente, recomendamos primeiro desenvolver uma estratégia de branding.
  • Orçamento – exige que se mergulhe profundamente nos seus gastos esperados de marketing. Além disso, como pode lhe trazer mais clientes, você deve determinar os incentivos e a taxa de referência.

Projeções Financeiras (e Solicitações de Financiamento)

Um plano financeiro proporciona aos investidores-alvo uma visão geral das projeções financeiras de crescimento da sua empresa.

Se você possui uma startup, projeções financeiras podem ajudar com o orçamento, com a medição de lucratividade e com a definição de objetivos financeiros.

Por outro lado, projeções financeiras podem manter empresa já consolidadas no caminho certo ao ajudá-las a atingir seus objetivos de maneira consistente.

Mostre o potencial do seu negócio ao destacar a sua performance. Inclua uma declaração das receitas da sua empresa, a projeção de fluxo de caixa e uma planilha com o balanço.

É uma boa ideia adicionar gráficos e tabelas nas seções de planejamento financeiro dos modelos de plano de negócios para visualizar o seu crescimento. 

4. Obtenha Financiamento

Um elemento essencial do sucesso da sua startup é obter financiamento suficiente na hora de lançar sua empresa e fazê-la crescer.

A maioria das pessoas financia as suas novas iniciativas de negócios com capital próprio ou com dinheiro emprestado de família ou amigos.

Contudo, outras opções estão disponíveis, incluindo investidores anjo, financiamento coletivo, pequenos cartões de crédito corporativos, capital de risco e pequenos empréstimos para empresas.

Um investidor anjo é a opção mais sensata para uma pequena empresa. Empreendedores e profissionais de sucesso geralmente se oferecem para financiar startups com a expectativa de terem uma alta taxa de retorno.

Ademais, esses investidores proporcionam benefícios essenciais como consultorias e conselhos, contato com potenciais funcionários e clientes, e insights sobre as estratégias dos concorrentes.

5. Construa o seu Negócio de Sucesso

Aqui estão elementos essenciais que você deve considerar na hora de começar sua própria empresa. Vamos falar sobre os passos que muitos esquecem de considerar enquanto buscam começar a sua jornada no caminho certo.

Reúna uma Equipe Excelente

As empresas possuem maior chance de sucesso se elas contratarem as pessoas certas. Para criar uma equipe equilibrada, analise primeiro os seus pontos fortes e fracos. Encontre funcionários que podem complementar as habilidades que você já oferece.

Quando começar o trabalho de contratação, você deve trabalhar numa estratégia de como anunciar a posição, desenvolver o critério para seleção de funcionários, providenciar os passos do processo de entrevista e escolher os candidatos certo para entrevistar.

O comitê de contratação deve criar uma descrição de vaga de emprego e desenvolver uma compensação competitiva e um bom pacote de benefícios.

página inicial do linkedin

Anuncie a vaga de emprego em plataformas como o LinkedIn para encontrar pessoas na sua indústria com as habilidades certas. Você pode encontrá-las através de listagens de vagas pagas ou alcançá-las gratuitamente através da página da sua empresa, do seu perfil pessoal ou de grupos do LinkedIn.

Entre em Contato com Vendedores e Fornecedores

Procurar pelos fornecedores certos para o seu negócio é outro passo vital para o sucesso.

Primeiramente, você deve determinar o tipo de fornecedor que você precisa.

Você pode escolher um fornecedor que pode fabricar produtos. Entretanto, se você pretende comprar de marcas que já existem ou quer produtos em grandes quantidades e baixos preços, um atacadista é a melhor opção.

Dropshipping é outra excelente escolha, permitindo que você passe os pedidos de venda para um fornecedor que então irá enviá-los diretamente para os clientes. Esse modelo de negócios é muito eficiente, já que ele exige um gasto mínimo para se iniciar.

página inicial do alibaba

Alibaba, por exemplo, é um diretório de negócios no exterior que é frequentemente usado para dropshipping. Ele oferece uma ampla variedade de produtos vindos de fornecedores verificados.

Liste todos os fornecedores potenciais e compare seus serviços, ofertas e recursos. Avalie seus preços, confiabilidade, estabilidade, localidade e background para encontrar o que mais se encaixa com você.

Assim que você tiver um fornecedor em mente, poderá preparar um contato para discussão.

Um documento escrito é vital para manter todos os termos e condições registrados. Garanta que você vai ler o contrato cuidadosamente antes de finalizar e assinar o acordo.

Finalmente, é crucial manter uma boa relação com o seu fornecedor para que o seu negócio opere de maneira suave. Marque um horário para se comunicar com os seus fornecedores, monitore o seu desempenho e ofereça feedback e fale sobre as suas preocupações quando for necessário.

Escolha um Local para o seu Negócio

Considere os requisitos e as necessidades da sua empresa na hora de escolher um local para o seu negócio. Fique de olho nas leis, se familiarize com os sites dos concorrentes e pesquise as opções disponíveis.

Dê uma olhada nos impostos estaduais e municipais do local que você está prospectando. O tipo e a região da sua empresa pode ditar se é aconselhável buscar um lugar fora de uma zona ou cidade em particular para ter um benefício fiscal.

Conforme você se prepara para o crescimento da sua empresa, avalie se faz mais sentido comprar um escritório ou alugar um espaço comercial. O seu tipo de negócio vai ditar o tipo de premissas que você precisa.

Por exemplo, uma loja de varejo é recomendada se você está vendendo produtos. Por outro lado, você pode montar um espaço de escritório compartilhado com uma sala de reuniões se você oferece serviços profissionais.

6. Cuide da Papelada

O seu plano de negócios parecerá quase perfeito depois de assegurar o capital, coordenar com os fornecedores e escolher um local para o escritório. Contudo, a operação de uma empresa requer a obtenção de diversas licenças e permissões antes do seu lançamento.

A estrutura mais comum para startups e pequenos negócios é a opção de Sociedade Empresarial Limitada (LTDA). Ela permite que os donos de negócios, parceiros ou acionistas limitem suas responsabilidades pessoais enquanto se aproveitam dos benefícios e da flexibilidade fiscal da parceria.

Uma vantagem dessa opção é que os donos não são pessoalmente responsáveis pelos débitos ou pelos passivos da empresa.

Enquanto isso, uma corporação é uma entidade legal que permite a abertura de uma conta de banco, a compra de propriedades, a assinatura de contratos e a abertura de negócios. Os acionistas são os donos, enquanto os diretores e gerentes lidam com as operações.

Em comparação, a grande vantagem dessa estrutura é que os donos não são responsáveis pelos débitos da companhia.

Registre sua Empresa (No Governo e na Receita Federal)

Você precisa registrar sua empresa no governo para que ela oficialmente se torne uma entidade legal.

Se você é dono de uma corporação, precisa obter Artigos de Incorporação. Isso inclui informações como o nome da sua empresa, detalhes de um agente registrado, a duração da corporação e outros detalhes similares.

Caso você seja o único proprietário, deverá registrar um nome fantasia para representar sua empresa — confira mais sobre como ter um nome fantasia. Resolver essa obrigação com o governo permite que você opere sua empresa com um nome oficial e seja a pessoa a se contatar em caso de problemas.

Depois de preencher esse requisito inicial, você pode registrar sua empresa com a Receita Federal e receber o seu CNPJ.

Seguro

Ter um seguro corporativo ajuda a gerenciar os riscos e se proteger de perdas conforme a sua empresa cresce. Todos os pequenos negócios e as grandes corporações precisam de algo do tipo para estarem totalmente preparadas.

Os tipos mais comuns de seguros de negócios para uma nova empresa são de compensação dos trabalhadores, de responsabilidade profissional e de responsabilidade geral.

O de compensação dos trabalhadores lida com lesões relacionadas ao trabalho ou com doenças de funcionários. Ela geralmente inclui cuidados médico, benefícios por invalidez e gastos com funeral.

Por outro lado, uma apólice de responsabilidade profissional é ideal para empresas que oferecem consultoria profissional ou serviços em geral. Ele tem como objetivo proteger as finanças da empresa caso um funcionário cometa um erro na hora de oferecer soluções para os clientes.

A responsabilidade em geral é a apólice mais recomendada para pequenos negócios. Essa opção protege a sua empresa de danos à propriedade e de alegações de acidentes no ambiente de trabalho.

Obtenha Registros de Impostos Federais e Estaduais

Depois de registrar a sua empresa, é hora de fazer uma requisição de CNPJ.

Um CNPJ servirá para registrar a sua empresa, e é necessário para o pagamento de taxas, a abertura de uma conta no banco, a contratação de funcionários e o registro de licenças e autorizações.

Você pode usar um guia como este para abrir seu CNPJ.

Licenças e Autorizações

Licenças de negócios e autorizações vão depender do seu tipo de negócio e localidade. Um primeiro passo crucial é saber os requisitos do processo de aplicação.

Recomendamos que você confira a lista completa de licenças necessárias antes de fazer o seu registro.

Algumas empresa podem precisar de autorizações federais, estaduais ou locais para operar.

Abra uma Conta Empresarial no Banco

Abrir uma conta empresarial no banco pode ajudar a manter o registro do fluxo de caixa ao separar as suas finanças empresariais do seu dinheiro pessoal.

Primeiramente, dê uma olhada nas opções de abrir uma conta corporativa tradicional num banco. Considere os cusos em geral, o número de caixas automáticos e agências, acesso a bancos online e outros recursos úteis para a sua empresa.

Apesar de alguns bancos oferecem serviços sem custos, não se esqueça de conferir as taxas de transação. Alguns bancos podem dispensar taxas específicas se você mantém um balanço mínimo, limita as transações e usa uma opção de específica de pagamento de contas.

Assim que você escolher o banco desejado, é hora de preparar os documentos necessários. Garanta que você vai apresentar os papeis que mostram a legalidade da sua empresa, junto do nome e o tipo do negócio.

7. Crie um Site para sua Empresa

Para aumentar a credibilidade da sua empresa, é preciso construir um site profissional. Se for bem mantido, ele pode ajudar você a melhorar a sua presença online e construir uma relação forte com os seus clientes.

O primeiro passo para criar um site é comprar um domínio curto e memorável. Confira o que está disponível usando o verificador de domínio e escolha um domínio representando a sua marca e o nome do seu negócio.

O próximo passo é encontrar um provedor de hospedagem. Considere o tipo de site que você quer e a quantidade de tráfego que você planeja ter.

Aqui na MeuHub, nós oferecemos planos de hospedagem acessíveis que atendem a sites de qualquer tamanho ou propósito a partir de R$2/Mês

Assim que você tiver um plano de hospedagem que seja adequado para o site da sua empresa, é hora de olharmos para diferentes plataformas de gerenciamento.

Sistemas de gestão de conteúdo (CMS) permitem que você construa sites profissionais e gerencie o conteúdo da internet através de edição e publicação. Você pode escolher dentro diferentes opções de CMS disponíveis, como WordPress, Blogger e Joomla!.

WooCommerce é um plugin que você pode usar com o WordPress para o seu site de negócios. Essa é uma plataforma de eCommerce altamente customizável, gratuita e de código aberto. Empresas pequenas e médias podem tirar vantagem da sua ampla gama de plugins e temas gratuitos ou pagos feitos por terceiros.

Também existe uma função incorporada de blogs que faz com que seja mais fácil de você publicar conteúdos e fortalecer a sua marca. Apesar dele ser integrado de maneira suave com o WordPress, o WooCommerce é uma plataforma muito mais técnica, que requer pelo menos algum conhecimento de programação e determinadas habilidades técnicas.

Por outro lado, o Zyro é uma excelente opção para quem quer uma configuração rápida e acessível. Esse construtor de sites de arrastar e soltar é amigável para iniciantes, flexível e oferece uma série de recursos úteis.

Com o Zyro, você pode construir o seu site ao customizar os templates disponíveis. Você também pode registrar o seu domínio e trabalhar com SEO on-site. Mais do que isso, todos os planos do Zyro vêm com hospedagem gratuita e acesso a ferramentas de construção de marca baseadas em IA, assim como um gerador de domínios e um gerador de logotipos.

No final das contas, o Zyro oferece para você tudo o que é necessário para lançar o seu site. Ele vai oferecer tanta liberdade criativa para customização quanto uma plataforma CMS, mas também vai fazer com que o processo seja mais rápido, simples e direto. Os planos premium do Zyro variam entre R$ 7/mês e R$ 39/mês.

8. Lance a sua Empresa e Foque em Crescimento

O sucesso da sua empresa não virá da noite para o dia. É preciso tempo e esforço para aumentar os lucros através de diversas ações.

Primeiramente, você precisa prestar atenção nas necessidades dos seus clientes. Quando você conseguir identificar e compreender os seus clientes, é possível usar esse conhecimento e experiência para desenvolvedor produtos, soluções e serviços valiosos.

Um bom atendimento ao cliente deve vir em seguida conforme você busca fazer os clientes se sentirem especial e mantê-los satisfeitos. Tenha disponibilidade para ajudá-los e resolver os seus problemas imediatamente. Faça um esforço extra para oferecer o seu conhecimento e responder as suas perguntas de maneira rápida e eficiente.

A seguir: campanhas de marketing. Comece a integrar práticas de Search Engine Optimization (SEO), pay-per-click (PPC) e social media na sua estratégia de marketing para promover a sua empresa para um maior público-alvo.

Não basta encorajar as pessoas a comprar de você. Elas devem se manter clientes leais à sua marca, mesmo que você tenha concorrentes fortes. Quando se trata de descontos e promoções, você deve informá-los primeiro. Essa abordagem pode encorajar uma conexão emocional entre a sua marca e o seu público-alvo.

9. Ouça seus Clientes, Otimize e Volte Atrás Quando for Necessário

É essencial ouvir as preocupações dos clientes para mantê-los satisfeitos. Garanta que você vai resolver os problemas desde o começo da sua jornada de negócios.

Ouvir os seus clientes forma uma relação saudável. É sobre reconhecer as suas necessidades e oferecer soluções que vão ajudá-los a atingir os seus objetivos.

Do mesmo modo, coletar feedback dos seus clientes ajuda a tomar decisões que podem melhorar os seus produtos ou serviços.

Para garantir que o seu negócio cresce para ficar ainda mais forte, pode ser necessário voltar atrás de vez em quando. Quando o progresso da sua empresa estiver desacelerando ou enfrentando muita competição, faz sentido mudar a direção dos seus produtos.

Essa mudança permite que você concorra com outras empresas que promovem e vendem os mesmos produtos que a sua empresa. Você também pode mudar de direção quando quiser atrair um novo mercado-alvo, seguir um modelo de receita único ou usar uma abordagem diferente para criar produtos.

É essencial saber como cada elemento de negócio funciona para prever o que vai acontecer quando você for voltar atrás. Tenha em mente que tudo precisa ser bem planejado antes da sua execução e isso só pode ser executado quando for necessário.

Perguntas Frequentes de Aspirantes a Empreendedores

Começar uma empresa pode ser, ao mesmo tempo, algo empolgante e desesperador. Não existe uma fórmula para se ter um negócio de sucesso, mas nós vamos responder algumas das perguntas mais frequentes na para ajudar você a lançar a sua startup de maneira mais tranquila.

Qual Negócio é o Melhor para Iniciantes?

Uma startup de eCommerce de dropshipping pode ser uma escolha lucrativa e de baixo custo para iniciantes. Você não precisa de preocupar com armazenamento ou com envio. Contudo, você precisa encontrar seus próprios clientes.

Outra ideia é usar seus talentos para começar uma empresa. Por exemplo, se você é um fotógrafo profissional, pode criar e vender cursos online.

Como Começar uma Empresa sem Dinheiro?

Uma vantagem significativa de começar uma pequena empresa online é que ela não exige um grande orçamento.

Diferente do que acontece com uma loja física, você não precisa considerar construir um espaço físico ou os preços do aluguel. Tudo o que você precisa é de uma ideia de produto e de um mercado para operar.

Para economizar ainda mais dinheiro, comece com uma pequena empresa que não exige custos de produção, como cursos online, ghostwriting ou outros serviços e produtos similares.

Quando Custa Começar um Negócio?

Em média, começar uma pequena empresa custa R$ 1.000, enquanto franquias baseadas em casa vão custar entre R$ 500 e US$ 1.500.

As finanças necessárias para começar a sua própria empresa vão variar de acordo com o seu tipo ou tamanho. Como os seus gastos continuam a crescer conforme a sua empresa cresce, é essencial se planejar com antecedência para custos repentinos ou inesperados.

Conclusão

Agora que você sabe como começar a sua própria empresa, tenha em mente que um crescimento rápido não deve ser o seu primeiro objetivo.

Ele requer um esforço e um tempo significativo para analisar as necessidades dos seus clientes, oferecer um bom atendimento ao cliente e estabelecer lealdade para a sua marca prosperar.

Esperamos que, com as informações que oferecemos, você esteja mais do que preparado para começar sua empresa e fazê-la crescer.

Confira nossos planos de hospedagem de Sites, planos de hospedagem para WordPress, planos Econômicos. Planos de Email Profissional e Servidores VPS. Tenha um atendimento personalizado entrando em Contato pelo Site ou pelo WhatsApp. Se você é um revendedor, confira nossos planos de revenda.

Compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on skype
Share on telegram
Share on email

Deixe um comentário

APROVEITE

DESCONTO DE 50% VITALÍCIO

para os planos PLUS, MEGA E TURBO!

PROMOCODE: MHVITA50

Oferta Termina em:

Dias
Horas
Min
Seg