o que é, como funciona e exemplos

Acompanhe as novidades e ultimas postagens.

Estrela, d√ļvida, vaca leiteira ou abacaxi: como voc√™ classificaria os seus produtos? Apenas lendo essas palavras n√£o d√° para entender do que estamos falando. Mas, neste artigo, voc√™ vai entender que elas comp√Ķem a Matriz BCG e ajudam a sua empresa a tomar melhores decis√Ķes.

 
A Matriz BCG √© uma das principais ferramentas de intelig√™ncia competitiva. √Č utilizada no planejamento de marketing para avaliar o portf√≥lio de produtos da empresa e entender em que momento do seu ciclo de vida eles est√£o.

A partir da análise competitiva da Matriz BCG, é possível fazer melhores escolhas sobre a atuação da empresa no mercado.

Agora, vamos entender melhor o que √© essa matriz, como analisar os seus produtos e por que essa ferramenta pode ser √ļtil para o seu neg√≥cio. Acompanhe!

O que é a Matriz BCG?

Matriz BCG é uma metodologia empresarial de análise do portfólio de produtos, serviços ou unidades de negócio, baseada no conceito de ciclo de vida do produto, a fim de indicar as melhores estratégias de investimentos.

Trata-se de uma análise gráfica, realizada por meio de uma matriz dividida em quatro quadrantes e dois eixos, que se referem à participação do produto no mercado e à taxa de crescimento desse mercado.

Assim, cada quadrante representa uma etapa do ciclo de vida do produto no mercado: estrela, d√ļvida, vaca leiteira ou abacaxi. Mais adiante vamos explicar melhor esses nomes.

√Č √ļtil principalmente para empresas com amplo portf√≥lio de produtos. Pense, por exemplo, na Unilever, que conta com 400 marcas de diferentes segmentos. Cada produto vive uma fase diferente do ciclo de vida. Ent√£o, uma ferramenta como a Matriz BCG ajuda a administrar tudo isso.

O nome BCG vem da empresa de consultoria Boston Consulting Group. No início da década de 1970, Bruce Henderson, fundador da empresa em 1963, desenvolveu essa metodologia, que se consagrou no meio empresarial e é utilizada até hoje.
 

matriz BCG

Quais as principais vantagens da Matriz BCG?

A Matriz BCG é uma ferramenta de planejamento de marketing, que serve para analisar o desempenho dos produtos de uma empresa e distribuir melhor os recursos entre as unidades de negócio. A seguir, vamos analisar as principais vantagens de usar a Matriz BCG:

Conhecer melhor o mercado e os seus produtos

A partir da análise de dados, é possível conhecer melhor os seus produtos e serviços, o cenário de crescimento do seu mercado e a atuação dos concorrentes. Dessa maneira, você tem um panorama sobre a posição dos seus produtos em relação ao mercado e à concorrência.

Ganhar vantagem competitiva

Se voc√™ analisa a posi√ß√£o do seu neg√≥cio em rela√ß√£o aos concorrentes, pode tomar decis√Ķes que coloquem sua empresa √† frente deles. A inten√ß√£o √© ganhar market share e a fatia de consumidores que est√£o com a concorr√™ncia.

Priorizar produtos ou unidades de negócio

O embasamento dos dados permite tomar melhores decis√Ķes estrat√©gicas sobre o portf√≥lio de produtos. Voc√™ pode priorizar produtos ou unidades de neg√≥cio com mais potencial de retorno, a fim de otimizar os investimentos da empresa.

Gerar mais lucratividade para o negócio

A Matriz BCG oferece um panorama visual sobre a situação dos seus produtos. Você pode identificar quais estão gerando mais vendas, quais estão trazendo mais prejuízos, quais estão parados. Assim, você pode investir naquilo que dá mais retorno para o negócio.

E quais as desvantagens?

Embora a Matriz BCG seja uma metodologia consagrada e bastante utilizada, existem algumas cr√≠ticas √† ela. √Č importante voc√™ conhecer as limita√ß√Ķes da metodologia para saber se vale a pena aplicar o seu neg√≥cio.

Uma das críticas mais comuns é a dificuldade de definir claramente os concorrentes da empresa e estabelecer o market share, ou seja, a fatia de participação no mercado, que determina a posição nos quadrantes do eixo horizontal.

Al√©m disso, uma das desvantagens da Matriz BCG √© simplificar demais a an√°lise. Existem outras vari√°veis que podem influenciar nas decis√Ķes de marketing de produto, como a entrada de produtos substitutos. Por isso, √© importante utilizar essa metodologia em conjunto com outras an√°lises, como a Matriz SWOT e as For√ßas de Porter.

Como funciona a Matriz BCG?

A metodologia se baseia em uma an√°lise gr√°fica, a partir de uma matriz dividida em quatro quadrantes, que representam diferentes etapas do ciclo de vida do produto no mercado.

Os eixos da matriz se referem à participação do produto no mercado (eixo horizontal), que gera caixa para a empresa, e à taxa de crescimento desse mercado (eixo vertical), que exige o uso de caixa da empresa para enfrentar a concorrência.

Os quadrantes recebem nomes inusitados, que vamos explicar melhor mais adiante:

  • Estrela: alta participa√ß√£o e alto crescimento do mercado;
  • D√ļvida/questionamento: baixa participa√ß√£o e alto crescimento do mercado;
  • Vaca leiteira: alta participa√ß√£o e baixo crescimento do mercado;
  • Abacaxi/cachorro: baixa participa√ß√£o e baixo crescimento do mercado.

Depois de identificar em quais quadrantes os seus produtos se encontram, √© poss√≠vel tomar a√ß√Ķes com mais seguran√ßa em rela√ß√£o a eles.¬†

Você pode decidir aumentar os investimentos no produto ou retirá-lo do mercado, por exemplo. Assim, é possível administrar melhor o marketing de produto e o orçamento da empresa.

O que significa cada quadrante da Matriz BCG?

Agora, vamos entender quais são os quadrantes da Matriz BCG e as suas principais características. 

Estrela

Os produtos que são classificados como Estrela têm alta participação em mercados de alto crescimento. Geralmente são líderes e enfrentam grande concorrência. Por isso, demandam altos investimentos para se manter nessa posição.

Vaca leiteira

Os produtos do quadrante da Vaca Leiteira têm alta participação em mercados de baixo crescimento, que já se consolidaram. Geralmente é a classificação mais desejada, já que o produto gera altos lucros e serve como apoio para as outras unidades de negócio.

D√ļvida

No quadrante da D√ļvida, os produtos t√™m baixa participa√ß√£o em mercados de alto crescimento. √Č o est√°gio em que se encontram a maioria dos produtos entrantes no mercado, quando a concorr√™ncia ainda est√° em melhor situa√ß√£o. Nesse caso, a empresa deve decidir se deve investir mais no produto para que se torne uma Estrela.

Abacaxi

Um produto Abacaxi, como o nome sugere, costuma ser um problema para as empresas. Neste quadrante, o produto gera baixo lucro ou até mesmo prejuízo, já que tem baixa participação em mercados de baixo crescimento, já consolidados. Nesse caso, a empresa deve analisar a possibilidade de descontinuá-lo.

Qual a relação entre Matriz BCG e ciclo de vida do produto?

A Matriz BCG se baseia no ciclo de vida do produto. Esse conceito traz a ideia de que os produtos passam por diferentes etapas ao longo da sua existência no mercado, que vão desde a introdução até o seu declínio.

De maneira geral, a Introdu√ß√£o do produto no mercado tende a ser uma D√ļvida. Em seguida, na fase de Crescimento, o produto se torna uma Estrela. Quando atinge a Maturidade, o produto vira uma Vaca leiteira. Por fim, no Decl√≠nio, chega a fase do Abacaxi.¬†

Agora, vamos entender melhor estas etapas:

Introdução

Esse é o momento de inserção do produto no mercado, quando a empresa deve investir na sua ampla divulgação e distribuição, a fim de gerar demanda para o negócio e atrair potenciais clientes.
Nessa etapa, as vendas come√ßam a ganhar tra√ß√£o, mas o produto √© classificado como uma D√ļvida, j√° que a concorr√™ncia ainda tem maior participa√ß√£o.

Crescimento

Ap√≥s a introdu√ß√£o, espera-se que o produto tenha um crescimento significativo de vendas. √Č uma etapa de amadurecimento do produto, quando a empresa deve investir em marketing e comunica√ß√£o para refor√ßar o seu posicionamento e coloc√°-la como primeira op√ß√£o de compra.

Nesse momento, o produto costuma ser uma Estrela, j√° que demandam altos investimentos para ganhar mercado.

Maturidade

Nesse momento, as vendas entram em uma fase de estabilização. O produto já conquistou sua fatia de mercado e começa a estagnar.

Na Maturidade, o produto costuma ser uma Vaca Leiteira, do qual deve se extrair o m√°ximo de lucro, j√° que gera alto retorno. Depois disso, a empresa pode relan√ßar o produto com atualiza√ß√Ķes ou novas vers√Ķes ou ainda planejar a sua retirada antes da fase de decl√≠nio.

Declínio

Um produto em declínio começa a gerar prejuízos para a empresa. A solução já está defasada para os consumidores ou foi trocada por concorrentes, novos entrantes ou itens substitutos.

Voc√™ deve ter percebido que, nesse momento, o produto se torna um Abacaxi. Nesse momento, o ideal √© retir√°-lo do mercado antes que afete a sa√ļde financeira do neg√≥cio.

Como montar a Matriz BCG?

A Matriz BCG é formada por quatro quadrantes, divididos em dois eixos. A seguir, vamos explicar a você um passo a passo de como montar a sua matriz e identificar os produtos de cada quadrante. 

1. Liste os produtos da sua empresa

Primeiramente, é importante ter um panorama geral dos seus produtos. Você não precisa posicionar todos eles nos quadrantes da Matriz BCG, mas selecione aqueles que você deseja analisar ou que são mais estratégicos para o seu negócio.

Ent√£o, o primeiro passo √© fazer uma lista dos produtos ou servi√ßos da sua empresa. Para facilitar o pr√≥ximo passo, identifique os produtos mais vendidos e ordene-os de acordo com o n√ļmero de vendas.

2. Desenhe um plano cartesiano

Você sabe o que é um plano cartesiano? Agora, é bom se lembrar das aulas de matemática da escola. Um plano cartesiano é simplesmente um gráfico composto por duas retas perpendiculares, chamadas de eixos cartesianos (eixo x e eixo y), que se cruzam em um ponto em comum.

 Na Matriz BCG, o eixo x (linha horizontal) representa a participação de mercado, e o eixo y (linha vertical) representa o crescimento do mercado. O plano cartesiano, então, deve ser dividido em quatro quadrantes:

  • Estrela: quadrante superior esquerdo;
  • D√ļvida: quadrante superior direito;
  • Vaca leiteira: quadrante inferior esquerdo;
  • Abacaxi: quadrante inferior direito.

3. Identifique o crescimento do mercado

Agora, para posicionar os produtos em cada quadrante, você deve identificar como eles se relacionam com o mercado. Primeiramente, busque a informação sobre o crescimento do mercado para posicionar os produtos no eixo y.

Para identificar o crescimento do mercado, voc√™ pode buscar dados secund√°rios de relat√≥rios de institutos de pesquisa, associa√ß√Ķes profissionais, entre outras institui√ß√Ķes. Um mercado em alto crescimento ainda est√° se desenvolvendo; em baixo crescimento, j√° est√° consolidado.

4. Identifique o market share do produto

Outro passo para posicionar os produtos em cada quadrante é identificar a participação do produto no mercado, que se refere ao eixo x.

√Č poss√≠vel calcular o market share de diferentes formas. No caso da Matriz BCG, voc√™ deve identificar o market share relativo, ou seja, comparar o produto ao seu concorrente principal.

Então, se a participação de mercado for maior que a do concorrente, o produto deve ficar nos quadrantes à esquerda; se for menor que a do concorrente, deve ficar nos quadrantes à direita.

5. Analise o cen√°rio e tome decis√Ķes

Depois de posicionar os produtos nos quadrantes da Matriz BCG, voc√™ pode fazer as an√°lises necess√°rias. A seguir, voc√™ vai entender quais decis√Ķes pode tomar a partir da an√°lise gr√°fica do seu portf√≥lio de produtos.
Como fazer uma an√°lise de Matriz BCG?

Depois de posicionar seus produtos na Matriz BCG, √© poss√≠vel analisar o seu portf√≥lio e tomar decis√Ķes estrat√©gicas. Em geral, a an√°lise da matriz pode levar a quatro tipos de decis√Ķes:

  1. Construir: aumentar a participa√ß√£o de mercado do produto. Decis√£o aplicada a produtos classificados como D√ļvida, com a inten√ß√£o de ganhar mercado e transform√°-los em Estrela.
  2. Manter: preservar a participação de mercado do produto. Decisão aplicada a produtos classificados como Vaca Leiteira, que geram lucros consistentes e podem sustentar a empresa, até mesmo as unidades de negócio em declínio.
  3. Colher: extrair o m√°ximo do produto e descontinu√°-lo aos poucos. Decis√£o aplicada quando as Vacas Leiteiras est√£o em decl√≠nio, as D√ļvidas est√£o muito incertas ou os produtos s√£o Abacaxis, com a inten√ß√£o de aproveitar seu potencial no curto prazo.
  4. Abandonar: retirar o produto do mercado. Quando os produtos s√£o classificados como Abacaxis ou quando as D√ļvidas est√£o muito custosas, vale mais a pena para a empresa se desfazer deles.

Exemplos pr√°ticos de uso da Matriz BCG

Vamos ver agora alguns exemplos de aplicação da Matriz BCG. Para ficar mais claro, vamos usar algumas marcas mais conhecidas, que permitem entender o crescimento do mercado e o market share do produto, mesmo sem dados precisos.

Coca-Cola

A marca Coca-Cola √© um dos exemplos mais cl√°ssicos de Matriz BCG. O tradicional refrigerante, seu principal produto, pode ser classificado como Vaca Leiteira, j√° que garante o maior n√ļmero de vendas, como l√≠der em um mercado j√° consolidado.

Porém, outras marcas da Coca-Cola Brasil (ao todo, são 20 marcas em 9 segmentos diferentes) se posicionam em outros quadrantes.

A marca Ades, comprada pela Coca-Cola em 2018, pode ser classificada como uma D√ļvida, j√° que est√° em um mercado de alto crescimento (bebidas √† base de prote√≠na vegetal), mas ainda est√° consolidando sua participa√ß√£o.

J√° a marca de Sucos del Valle pode ser posicionada no quadrante da Estrela, j√° que o mercado de sucos est√° em crescimento no Brasil ‚ÄĒ cada vez mais pessoas buscam bebidas e alimentos mais naturais e saud√°veis ‚ÄĒ, e o produto tem alta participa√ß√£o.

E o guaraná Kuat pode ser classificado como Abacaxi. Em baixa no mercado, a marca de refrigerante passou quase 10 anos sem comunicação. Em 2021, a Coca-Cola investiu em uma nova abordagem de comunicação, que demonstra uma tentativa de rejuvenescer a marca de um produto em declínio.

Esse √© um cen√°rio atual, mas √© importante perceber que, ao longo do tempo, conforme os investimentos e estrat√©gias da companhia, essas posi√ß√Ķes podem mudar de lugar.

Nestlé

As marcas da Nestl√© tamb√©m oferecem bons exemplos de aplica√ß√£o da Matriz BCG. A Nestl√© tem in√ļmeros produtos em 15 categorias diferentes.

Um dos principais produtos da Nestlé é o Nescau. Embora dispute a liderança com seu principal concorrente (Toddy), a marca tem alta participação em um mercado de baixo crescimento (achocolatados em pó). Portanto, pode ser classificado como Vaca Leiteira.

No quadrante da Estrela, é possível posicionar o produto Dog Chow, uma das principais marcas de nutrição animal, que representa um mercado em crescimento.

Por outro lado, o Negresco, no mercado de biscoitos recheados, detém baixo market share (tendo a Oreo como principal concorrente). Por isso, pode ser classificado como um Abacaxi. 

J√° o composto l√°cteo que a Nestl√© lan√ßou como um substituto para o leite condensado Mo√ßa, que foi recebido com cr√≠ticas no mercado, ainda √© uma D√ļvida para a empresa.

Enfim, a Matriz BCG vai ajudar você a conhecer melhor seus produtos e adotar melhores estratégias para aumentar a lucratividade. Mas você não precisa ser tão grande quanto uma Coca-Cola ou uma Nestlé, ok? 

Qualquer negócio que tenha um portfólio de produtos pode aplicar essa análise competitiva no seu planejamento.

Pronto, agora você já conhece uma das principais ferramentas de marketing, a Matriz BCG. Existe ainda outra ferramenta para analisar sua posição em relação aos concorrentes: conheça agora a matriz de competitividade e aplique também no seu negócio!

Fonte

Compartilhar:

Deixe um coment√°rio

Categorias
Assinar por e-mail

Digite seu endere√ßo de e-mail para assinar e receber notifica√ß√Ķes de novas publica√ß√Ķes por e-mail.

Estatísticas do blog
  • 53.057 Views

20% DE

 DESCONTO

BLACK

NOVEMBER

Cupom válido até 01/12/2023 ou até durarem os estoques.
V√°lido somente para novos assinantes.

CUPOM:  

BLACK2023

Desconto v√°lido nos planos MENSAIS para Hospedagem Cloud, Revenda Plesk e Email Profissional. Desconto ser√° aplicado durante 12 meses no plano de assinatura mensal.