o que é, como testar e quais os impactos no rankeamento

Acompanhe as novidades e ultimas postagens.

O uso de smartphones √© cada vez maior e, por isso, qualquer neg√≥cio deve pensar em seus conte√ļdos no formato mobile friendly, garantindo que os usu√°rios tenham uma experi√™ncia positiva com a sua marca em qualquer dispositivo m√≥vel

O tr√°fego mobile √© uma realidade cada vez maior no Brasil. De acordo com informa√ß√Ķes da Comscore, 91% do tempo em que os brasileiros est√£o conectados √† internet acontece via smartphone.¬†

Ou seja, se familiarizar com o termo mobile friendly e colocar a√ß√Ķes em pr√°tica nesse sentido √© essencial.

Um exercício muito simples pode ser feito diariamente por você: pense quantas vezes por dia você realiza uma busca utilizando seu celular. Agora, imagine se um dos seus clientes segue a mesma quantidade e, ao se deparar com o site do seu negócio na versão mobile, tem uma experiência ruim.

O impacto dessa jornada pode ser significativo para o sucesso do seu negócio. Por isso, é muito importante se aprofundar no conceito de mobile friendly e seguir as melhores práticas para que a experiência do usuário seja positiva em qualquer versão do seu site.

Continue a leitura para entender o que fazer para ter uma p√°gina mobile friendly!

O que é um site mobile friendly?

Um site mobile friendly é uma página desenvolvida para tornar a experiência do usuário em dispositivos móveis tão positiva quanto na versão desktop. 

A ideia é possibilitar que qualquer dispositivo utilizado proporcione uma navegação eficiente e planejada.
Esse conceito se fortaleceu bastante nos √ļltimos anos por conta do aumento do uso de smartphones no dia a dia. Hoje, como os dados acima confirmam, o uso de celulares e tablets para se conectar √† internet √© muito superior ao tempo nas vers√Ķes para desktop.

O problema √© que muitas p√°ginas ao longo do tempo foram desenvolvidas pensando justamente na experi√™ncia em uma tela maior. O que o mobile friendly prop√Ķem, portanto, √© uma adapta√ß√£o mais amig√°vel para que o acesso via smartphone seja simples e descomplicado.

Sempre que um usuário abrir uma página no celular, portanto, ele deve ter uma experiência tão completa quanto quando acessa via desktop.

¬†Isso garante uma unidade ao longo da jornada e permite que a sua p√°gina alcance seu objetivo ‚ÄĒ uma venda ou um cadastro de lead ‚ÄĒ em qualquer dispositivo.

Quais as diferenças entre um site responsivo e mobile friendly?

Outro conceito que acaba se confundindo com mobile friendly é responsividade. 

Na prática, responsividade é a técnica para que uma página (ou site) se adapte aos diferentes tamanhos e formatos de tela. O problema é que esse é um trabalho pequeno perto da necessidade de olhar para o mobile.

Afinal, a adaptação nem sempre é feita de maneira planejada, utilizando recursos automatizados para criar a responsividade. E, mais importante, muitas vezes a experiência do usuário mobile ainda não é 100% fiel ao que acontece na versão para desktop.

Os dois conceitos s√£o complementares ‚ÄĒ como vamos mostrar nos pr√≥ximos par√°grafos ‚ÄĒ, mas existem essas diferen√ßas sens√≠veis.¬†

O mobile friendly é algo muito mais completo para os usuários mobile. Mas um conceito deve ser utilizado em parceria com o outro.

Qual a import√Ęncia de ter um site mobile friendly?

Alguns n√ļmeros acima j√° indicam a import√Ęncia de ter um site mobile friendly, mas existem outros fatores que podem beneficiar a sua marca.¬†

Saiba quais s√£o a seguir!

Melhorar a experiência do usuário

Independentemente de qual seja o seu segmento de atuação ou o propósito da sua página, melhorar a experiência do usuário deve ser prioridade. E é isso que acontece quando você investe tempo e recursos na criação de um site mobile friendly.

Evita a perda de oportunidades

Muitos usuários podem abrir uma página do seu site no celular e simplesmente não conseguir apertar um CTA específico. Isso pode representar perdas muito significativas para o seu negócio, além da frustração do usuário.

Reduz a taxa de rejeição

Quando a versão mobile de um site é ruim, os usuários abrem aquela página e acabam se frustrando com a experiência. Em poucos segundos eles fecham o site, o que impacta diretamente na taxa de rejeição da página. O mobile friendly reduz esse tipo de acontecimento de forma significativa.

Potencializa seu rankeamento

Outra questão importante que é beneficiada diretamente pelo conceito de mobile friendly é o rankeamento das suas páginas. 

Afinal, pensar no usuário é uma das prioridades para o Google e ter uma versão mobile eficiente vai contribuir para que o seu site ganhe alguns pontos no rankeamento em uma SERP.

Quais os critérios para ser mobile friendly?

Para ter uma página mobile friendly, é importante levar em conta alguns critérios relevantes:

  • Navega√ß√£o simples: em uma tela menor, o usu√°rio exige um fluxo mais simples e intuitivo de navega√ß√£o;
  • Velocidade de carregamento: outra quest√£o importante √© o tempo de carregamento, que precisa ser r√°pido;
  • Toque otimizado: a experi√™ncia do toque na tela deve ser levada em considera√ß√£o para oferecer uma jornada mais simples.

Como transformar seu site em mobile friendly?

O que fazer, ent√£o, para transformar o seu site em mobile friendly? Confira algumas dicas que podem ajudar!

Teste a sua p√°gina

A primeira etapa para transformar o seu site em mobile friendly é saber exatamente o que precisa ser alterado. 
Para isso, você pode fazer um teste gratuito que o próprio Google disponibiliza. Ao jogar a sua URL ali, a ferramenta oferece automaticamente uma série de insights valiosos.

print da ferramenta de teste de mobile friendly do google

A ideia aqui é entender quais foram os pontos positivos e negativos da versão mobile do seu site. A partir disso, você deve listar todos os pontos que o Google indicou como falhas na experiência mobile dos usuários e defini-los como prioridade de mudança.

Invista na responsividade

Alguns parágrafos acima explicamos a diferença entre um site responsivo e um mobile friendly. 

Agora, voc√™ deve estar na d√ļvida do motivo para pensar em investir na responsividade. Mas o motivo √© simples: um site responsivo se adapta n√£o s√≥ ao formato mobile, mas aos diferentes tamanhos de tela.

Afinal, quando pensamos em mobile, não é como se existisse apenas um tipo de smartphone, certo? 

Cada novo lan√ßamento de um iPhone, por exemplo, j√° apresenta mudan√ßas significativas. A p√°gina responsiva, portanto, ajuda na adapta√ß√£o de um site ‚ÄĒ seja mobile, seja desktop ‚ÄĒ em qualquer tamanho.

Nunca esqueça do tempo de carregamento

Pode ser que o teste feito na ferramenta do Google para avaliar se o seu site é mobile friendly nem tenha indicado isso como um ponto fraco, mas esse é um tema que precisa fazer parte da rotina de qualquer negócio: monitorar o tempo de carregamento das suas páginas.

O site atual pode não ter esse problema, mas a adição de algumas fotos mais pesadas ou novos recursos pode resultar em maior lentidão. Por isso, é importante monitorar esse tópico, já que usuários estão cada vez mais impacientes. Para se ter ideia, o tempo ideal de carregamento é de, no máximo, 2 segundos.

A boa notícia é que o Google disponibiliza outra solução gratuita para monitorar essa questão: o PageSpeed Insights. 

Ao colar a sua URL ali, a ferramenta passa uma s√©rie de informa√ß√Ķes sobre o que precisa ser feito para melhorar a performance. Esse trabalho deve ser feito sempre que tiver alguma mudan√ßa maior.

print com teste de carregamento da p√°gina

Produza conte√ļdos a partir do mobile writing

Assim como é importante adotar práticas de SEO para melhorar o rankeamento das suas páginas e otimizar a experiência de leitura do usuário, você deve ter em mente o papel do mobile writing. 

Basicamente, significa produzir conte√ļdos a partir de t√©cnicas espec√≠ficas para a leitura em dispositivos m√≥veis.

Um artigo com quatro linhas por par√°grafo em um desktop pode ter uma leitura mais simples, certo? Mas em uma tela muito menor, essa leitura pode ficar bastante cansativa. As quebras em par√°grafos menores, portanto, √© um dos exemplos de adapta√ß√Ķes que podem ser realizadas.

Alguns exemplos de outras técnicas de mobile writing que podem ajudar:

  • Destaque alguns trechos em negrito;
  • Utilize bullet points para facilitar a leitura;
  • Adicione o m√°ximo de intert√≠tulos para melhorar a quebra entre os blocos de texto;
  • Invista em recursos visuais e interativos para tornar mais a experi√™ncia mais agrad√°vel;
  • Reduza o tamanho dos par√°grafos, especialmente em conte√ļdos maiores, como blog posts.

O que fizemos ao longo deste conte√ļdo e, particularmente, nesse t√≥pico, √© um exemplo de como o mobile writing pode ajudar.¬†

Se você estiver lendo no seu smartphone, a sua experiência vai ser melhor por conta desses muitos ajustes sutis que foram realizados para melhorar a sua leitura.

Adote fontes que otimizem a leitura

Como já falamos nos parágrafos acima, é importante analisar os mínimos detalhes. Afinal, estamos pensando em telas pequenas, certo? 

Por isso, até mesmo a escolha das fontes dos seus textos é fundamental. Não analise apenas o que é mais bonito, entenda o formato que melhor para leitura.

Algumas fontes podem ser cansativas e, em uma tela menor, se tornam ainda mais desgastantes para o leitor. 
Dessa forma, é preciso pensar bem na sua escolha e também tomar cuidado com os tamanhos utilizados em cada versão das suas páginas, além das cores e contraste com o layout.

Pense na experiência do leitor mobile

Em uma página desktop, é muito mais fácil encontrar um menu, por exemplo, não é mesmo? 
No mobile, essa opção pode ficar mais difícil de ser encontrada, o que exige um trabalho mais completo para tornar a experiência do leitor ainda mais simples.

O trabalho aqui deve ser focado em facilitar a jornada do usuário pela sua página na versão mobile. 

Então, escolha os recursos de forma que ele consiga ter a melhor experiência possível utilizando os recursos mobile disponíveis sem que ele perca qualquer funcionalidade do seu site.

Considere ser mobile-first

O conte√ļdo j√° est√° chegando ao fim, mas vamos apresentar um novo conceito: mobile-first. Basicamente, se trata de priorizar a constru√ß√£o e desenvolvimento de sites e landing pages a partir da vis√£o em um dispositivo m√≥vel. Ou seja, criar o primeiro wireframe, por exemplo, usando o mobile como refer√™ncia.

Pode parecer confuso falar isso agora, mas nem todos os neg√≥cios est√£o preparados para uma mudan√ßa t√£o dr√°stica. Al√©m disso, √© preciso analisar o perfil e o comportamento do seu p√ļblico-alvo para entender se a ideia faz sentido ou n√£o.

Se todas essas análises confirmarem que a versão mobile é muito mais acessada do que a versão desktop, por que se preocupar com essa adaptação? O melhor, portanto, é inverter a ordem de prioridade e desenvolver sites e páginas primeiro para mobile e, depois, adaptá-los.

O mais importante aqui √© ter os n√ļmeros ao seu lado para embasar a sua decis√£o. N√£o √© porque o mobile √© tend√™ncia que, necessariamente, faz sentido para a sua marca.¬†

√Č preciso analisar os dados dispon√≠veis e fazer essa escolha com precis√£o, mas o mobile-first √© um conceito cada vez mais em alta.

Como os n√ļmeros do in√≠cio do texto mostram, a vers√£o mobile do seu site ‚ÄĒ e tamb√©m para outras p√°ginas da sua marca ‚ÄĒ precisa ser planejada.¬†

Adotar uma cultura mobile friendly vai ajudar o seu negócio a impactar cada vez mais usuários, independentemente do dispositivo utilizado.

Aproveitando o t√≥pico desse conte√ļdo, o que voc√™ acha de levar a ideia de mobile friendly para outras √°reas da sua estrat√©gia digital? No caso do SEO, tamb√©m √© muito importante ficar de olho em algumas particularidades desse formato, ent√£o descubra como fazer pesquisa de palavras-chave para mobile!

Fonte

Compartilhar:

Deixe um coment√°rio

Categorias
Assinar por e-mail

Digite seu endere√ßo de e-mail para assinar e receber notifica√ß√Ķes de novas publica√ß√Ķes por e-mail.

Estatísticas do blog
  • 53.026 Views

20% DE

 DESCONTO

BLACK

NOVEMBER

Cupom válido até 01/12/2023 ou até durarem os estoques.
V√°lido somente para novos assinantes.

CUPOM:  

BLACK2023

Desconto v√°lido nos planos MENSAIS para Hospedagem Cloud, Revenda Plesk e Email Profissional. Desconto ser√° aplicado durante 12 meses no plano de assinatura mensal.